sábado, 19 de dezembro de 2015

Aniversário


     Desde a minha infância eu já achava essa história de aniversário bem estranha, na verdade eu não entendia se eu merecia um presente simplesmente pelo fato de ter nascido ou se as pessoas me davam presentes como recompensas por eu ter conseguido sobreviver por mais um ano nesse mundo doido. O ato de ficar mais velho começa na concepção e só sessa após a morte, estar vivo já deveria ser o suficiente. Por quê se preocupar com a quanto tempo?
     As vezes acho que o excesso de preocupação com a idade faz com que as pessoas percam bons momentos na vida. Sempre dizendo que são velhas demais ou novas demais para fazer algo, como se a vida fosse um parque e você tivesse um passe com um prazo pra passar nos brinquedos e depois de uma certa hora seu passe perdesse a validade, mas você não tivesse dinheiro para comprar os ingressos normais e continuar nos brinquedos, então suas únicas opções seriam ficar no parque só para observar os outros brincarem ou ir embora de uma vez. Eu já ví idosos serem olhados com estranheza por outras pessoas ditas "jovens" por quererem realizar um sonho, como voltar aos estudos, se exercitar, mudar de profissão ou se casar. 
     Os seres humanos não são produtos com prazo de validade, "enquanto à vida, à esperança", enquanto houver movimento, haverá calor. Como diria Roberto Bolanios(vulgo Chaves), "Existem jovens de oitenta e tantos anos e também velhos de apenas vinte e três, porque a idade não significa nada e a juventude volta sempre outra vez". Até o quarto século, o cristianismo rejeitava a celebração de aniversário natalício, pois o consideravam como um costume pagão. Se formos parar para pensar, o aniversário mais famoso do mundo, que é celebrado em diversos países, das formas mais diversas, nada mais é que uma data escolhida para se celebrar algo que só Deus sabe quando aconteceu. 
     O dia 25 de Dezembro era o dia em que os pagãos celebravam o dia do deus sol, o dia mais longo do ano, onde se tinham festas e oferendas afim de conseguir uma boa colheita no ano seguinte. A igreja não podia deixar o povo sob as influências do paganismo depois de ter encontrado Jesus, mas o povo não queria abrir mão de uma festança. E quem abriria? A solução? Pegamos a festa do rei sol e transformamos na festa do Rei dos Reis, Jesus Cristo. O povo sabia que era uma data inventada, mas ganhou uma festa, quem reclamaria? O tempo passou, as tradições se incorporaram a cultura cristã e hoje em dia temor símbolos pagãos como árvores enfeitadas e guirlandas até mesmo dentro das igrejas.
     Se formos analisar cuidadosamente, veremos que nenhum personagem bíblico festeja uma data como sendo a de seu nascimento, a não ser os faraós ou imperadores, isso se explica no excesso de adulações ao aniversariante, o que era tido como um exemplo de idolatria, que mesmo que fosse por um único dia, tiraria Deus do centro das atenções. Hoje em dia já temos a internet para esse fim, então, acho que uma festinha não faz mal. Mas você sabe a origem das tradições que cercam essa comemoração?
     "As festas de aniversários natalícios começaram anos atrás na Europa. As pessoas criam em espíritos bons e maus, às vezes chamados de fadas boas e más. Todos temiam que esses espíritos prejudicassem o aniversariante, de modo que ele ficava cercado de amigos e parentes, cujos votos de felicidade, e sua própria presença, o protegeriam contra os perigos desconhecidos que o aniversário natalício apresentava. Dar presentes resultava em proteção ainda maior. Uma refeição em conjunto fornecia uma proteção adicional e ajudava a trazer as bênçãos dos espíritos bons. Portanto, a festa de aniversário natalício destinava-se originalmente a proteger a pessoa do mal e garantir que tivesse um bom ano". (Trecho do livro: A Origem das Coisas)
     Ganhar presentes devido um evento que ocorre com periodicidade anual pode não proteger do mal, propriamente dito, mas ajuda todo mundo a se sentir mais querido. O mais importante entretanto, não são os presentes, não é a idade, mas sim a felicidade de se dar conta que se esta vivo, cercado de pessoas que te querem bem e com quem você pode contar, tenham elas dinheiro para te dar um presente ou não, mas essa é apenas a Minha Humilde Opinião.
Ass: Bruno Santos
Postado em: 08/08/2014
Fonte: http://pt.m.wikipedia.org/wiki/Anivers%C3%A1rio

Para conhecer outros textos do nosso blog navegue pelo menu na lateral direita, onde também existe um link que te auxilia a nos seguir no facebook ou Google+. Deixe também seus comentários abaixo.